Gosick 06

Olha que rica forma de acabarmos o dia dos namorados, hein?

Bom, mais um excelente episódio, que para mim é o melhor de todos. É mesmo bom, doce e cremoso.
Temos de tudo neste episódio: Discussões entre o casal, malhos de partir o nariz, mas o melhor de tudo… freiras que escondem pombas debaixo da saia. Tipo, que elas têm pombas debaixo da saia eu já sabia, agora pombas que voam? É novidade para mim.
Estou mesmo satisfeito de ter pegado neste anime. Espero que estejam a gostar dele tanto como eu.

Amanhã tenho muito trabalho e será dia de lançamentos! Se tudo correr bem, temos lançamentos de IS Infinite Stratos, que era para lançar hoje, mas sabem como é né, dia dos namorados, dia de fazer outras coisas :P… Onii-chan em dose dupla, talvez. Bom, só o amanhã o dirá, por isso passem por cá e depois vê-se o que saiu.

Até amanhã pessoal e não se esqueçam de usar protecção! o/

Torrent

Download Directo

10 comentários a “Gosick 06

  1. 3:59 nao sera um prato de Dresden?
    5:01 usa-los
    5:29 check 3:59
    7:23 kookuburra????
    7:47 idem aspas
    11:36 não é um tronco, é uma mala ou baú
    14:38 a inclinação e demasiado grande ou as estradas são demasiado íngremes
    17:21 eu era um dos teus poucos
    24:08 da Cordelia

  2. 3:59- Sinceramente não sei como se chama essse prato, mas prato de Dresden é capaz de ficar melhor. Já alterei todas as vezes em que aparece esse prato.

    5:01- Fixed and learned

    7:23- http://pt.wikipedia.org/wiki/Kookaburra

    11:36- Ele diz trunk (http://www.infopedia.pt/diciope.jsp?dicio=2&op=DefExpoente&Entrada=trunk&Expoente=0), logo pensa que é um tronco ou faz só uma piada com isso.

    14:38- Não me parece que a frase esteja mal construída.

    17:21- Ele é que tem poucos amigos, não ela, segundo o que ele diz.

    24:08- É de Cordelia porque ela não a está a tratar como mãe mas como pessoa.

  3. 11:36 eu vejo que aquilo não é um tronco, o rapaz deve de precisar de óculos
    btw eu sei o que quer dizer trunk, supus mesmo que tinha sido isso o que ele “disse” (pk já foi traduzido)

    14:38 não uma questão da frase estar mal escrita ou não, é mais no sentido das coisas, inclinação íngreme é esquisito

    17:21 vou acreditar pk já não tenho o episódio e só mencionei pk tb não tinha a certeza

    24:08 eu falo das árvores do jardim, eu falo de árvores (árvores quaisquer)
    mas a questão se dizes de não especificas, se meteres da estás a especificar que aquela Cordelia, não uma outra Cordelia que mora na esquina do lado

    ok, isto foi mais de opinião do que outra coisa

  4. **24:08 eu falo das árvores do jardim, eu falo de árvores (árvores quaisquer)
    mas a questão é se dizes “de” não especificas, se meteres “da” estás a especificar que aquela Cordelia, não uma outra Cordelia que mora na esquina do lado
    alem do mais se estiver assim ate parece que tas a falar de uma cidade ou assim

    3:59 ah FYI Dresden é uma cidade alemã, foi por isso que mencionei

  5. há excepções à “regra”, mas como eu disse isto é mais gosto
    além disso estás a invocar uma personagem demasiado “especifica” (nao sei muito bem como explicar)
    bem não vale a pena discutirmos mais pk nao vamos chegar um consenso, tu é que lanças, és tu que mandas

  6. eu não devo ter mais formação em português que tu (12º ano)
    eu pessoalmente gosto do “da” e acho que fica mais correcto, mas não tenho mais nenhum argumento que aquele que te dei
    o exemplo deste soa-me bem, acho que é devido ao D. tar la no meio
    e tb normalmente quando te corrijo verifico sempre antes de dizer

  7. Vou mudar. Até porque as duas formas para mim estão correctas, mas se tu optas pelo “da”, mais pessoas pensarão o mesmo.
    Até porque eu empatei um minuto ou dois a pensar se metia “de” ou “da”, e calhou por sair “de”.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *